escolhe o tema na barra lateral

Sexta-feira, 27 de Fevereiro, 2009

Origens e evolução da Internet

  
A Internet teve as suas origens nos EUA, em 1970, quando o Departamento de Defesadecidiu criar uma rede de computadores capaz de pôr em comunicação centros geograficamente afastados e com equipamentos distintos. Surge assim a ARPANet.
Mas a ARPANet cedo se expandiu também para os meios académicos universitários e científicos.
Na década de 80 a ARPANet deu origem a duas outras redes:

 
A MILNet, exclusivamente para fins militares e respeitando a intenção inicial da criação deste tipo de rede;
 
A NSFNet, para fins científicos, sendo NSF sinónimo de National Science Foundation.

A NSFNet foi-se expandindo a novas redes, começando a tornar-se no que hoje se conhece como Internet.
No início, o motivo, para além da abertura às universidades, foi também o interesse nos seus serviços por parte de instituições comerciais, que viram nesse novo tipo de comunicação, um novo e amplo mercado a explorar.
Surgem então os ISP- Internet Service Providers. Ao mesmo tempo surge a WWW- World Wide Web, ou seja, um sistema de comunicações associado aos interfaces gráficos, hipertexto e multimédia.
Hoje em dia, com a distribuição quase gratuita de software de navegação na Web, os Web Browsers , como por exemplo o Internet Explorer ou Netscape Navigator, a Internet é uma rede ao alcance de qualquer pessoa.

A base da arquitectura da Internet

 

Os protocolos TCP/IP (Transmission Control Protocol / Internet Protocol) constituem a base tecnológica do funcionamento e da arquitectura da Internet.
Foram estes protocolos que criaram, pela primeira vez, uma arquitectura geral de redes de computadores, baseada em camadas ou níveis diferenciados de funções.
Foi a partir desta concepção de redes em camadas ou níveis, que surgiu o Modelo OSI (Open System Interconnection). Mas enquanto o Modelo OSI apresenta um arquitectura de redes em sete níveis, a arquitectura TCP/IP define apenas três:

 
Nível de rede, o nível do IP;
Nível de transporte, o nível do TCP;
 
 
 
Nível de aplicação, com diversos protocolos de aplicação.
SMTP (Simple Mail Transfer Protocol);
 
Telnet (Emulação de terminal);
 
FTP (File Transfer Protocol);
 
HTTP ( HyperText Transfer Protocol).
 

Em conjunto, os protocolos TCP/IP asseguram um sistema de transmissão eficiente e flexível para poder funcionar sobre qualquer infra-estrutura de comunicação, desde que as máquinas contenham o software que implementa estes protocolos.
Como se sabe, por cima dos protocolos TCP/IP, funcionam os protocolos das aplicações, como por exemplo:

 

 

A História da Internet

Documentário animado sobre a internet, que explica as invenções do "time-sharing" até ao "filesharing", do "Arpanet" até à "Internet".

Vídeo

Saber mais sobre a Internet...

Wikipédia

ISOC: History of the internet

Computer Networks: The Heralds Of Resource Sharing

 

Assuntos tratados no blog:
publicado por ana às 22:43

arquivos
últ. comentários
Se o windows trabalhasse sobre Linux não era a por...
mais comentados
pesquisar
 

Free Blog Content

Para entender a Internet


Photobucket

Tutoriais:

 

Frontpage

Dreamwever

Photoshop Coreldraw

Flash

Hot Potatoes

Clic

 

AVAST
Anti-vírus

O melhor anti-vírus gratuito da Internet. Atualiza-se automaticamente sempre que necessário e protege você de quase todos os males da Internet.

Internet
Explorer 7

Mais segurança, mais recursos, visual mais moderno. Esta é a última versão do navegador da Microsoft. Depois de instalada, diferente das versões anteriores disponíveis, não é necessário registrá-la no site da Microsoft.

Codecs do Windows Media Player

Permite que o Windows Media Player rode qualquer tipo de arquivo de áudio, vídeo, DVDs, CDs, etc.

Flash Player

 sem ele você não assiste aos vídeos do Youtube

Para você assistir alguns tipos de vìdeo (MOV por exemplo) e principalmente visualizar fotos 360º.

Menus animados, transições de página, alguns jogos on-line, enfim, uma infinidade de recursos disponíveis na Internet que você só vê se tiver este aplicativo instalado.

Real

Player

Áudio e vídeo na Internet começou com ele. Muitos sites ainda disponibilizam arquivos em real (RM, RAM, etc.).

 

 

DAP
Download
Acelerator

Acelera seus downloads permitindo que você continue um download de onde parou antes da conexão cair (Que maravilha!), além de acelerar os vídeos do Youtube. Indispensável.

Adobe ReaderAlguns documentos na Internet são disponibilizados no formato PDF que só podem ser lidos com este programa.